Biomassa: Governo prepara actualização da tarifa

2010-08-02 | 11:13 am

Era uma das bandeiras da Associação de Produtores de Energia da Biomassa (APEB) e teve resposta do Governo esta quarta-feira: está a ser preparada uma actualização da tarifa, tendo em conta a inflacção no ano do concurso e no ano em que a central começa a laborar.

«Queremos actualização de forma muito sustentada e moderada, actualizando as remunerações tendo em conta o valor da inflação», sublinhou o secretário de Estado da Energia e Inovação, Carlos Zorrinho, na conferência intitulada “Biomassa: Financiar uma fonte limpa de produção energética”, organizada pelo Diário Económico.

A actualização da tarifa, segundo a APEB, vem corrigir a competição desleal das novas centrais relativamente às mais antigas, um dos “calcanhares de Aquiles” que pode comprometer a viabilidade das 15 novas centrais já adjudicadas. «Temos a tarifa mais baixa dos países da União Europeia. Há muitas centrais construídas na fronteira com Espanha, o que irá significar concorrência desleal. Há também uma desigualdade interna no tarifário, relativamente às centrais mais antigas e às novas. Achamos que a tarifa, em geral, deve estar, pelo menos, nos valores praticados nos centrais da EDP», adiantou Luís Marques Mendes ao Água&Ambiente, numa entrevista publicada em Junho.

Na conferência, Carlos Zorrinho lembrou ainda que a meta de Portugal para a biomassa é de 250 MW até 2020 e que os projectos já aprovados irão atingir ou mesmo ultrapassar este objectivo. «Para os concretizar é necessário parcerias entre politicas públicas e os promotores da biomassa, isso é determinante para o sucesso que queremos atingir», rematou.

Fonte: www.energiasrenovaveis.com

More news »